quinta-feira, 22 de abril de 2021

Assista à live da historiadora Anita Prestes

Tema: “A transição da ditadura militar para uma democracia tutelada pelos militares e o fenômeno Bolsonaro”

Live realizada no último dia 18/04/2021 e promovida pelo “Jornal Rumo à Vitória”, da Frente Patriótica Luiz Carlos Prestes (FPLCP).



https://www.youtube.com/watch?v=qzqQi8ENivc






quarta-feira, 21 de abril de 2021

"Um bate papo sobre encadernação e restauro: a Coleção de Luiz Carlos Prestes"


No dia 29 de abril, às 9h, a Unidade Multidisciplinar de Memória e Arquivo Histórico da UFSCar (UMMA) promove a live "Um bate papo sobre encadernação e restauro: a Coleção de Luiz Carlos Prestes" com Elisandra Lavínia Pinto, que é encadernadora e restauradora há quase 30 anos. Apreciadora das artes, principalmente de música e livros, foi professora de Encadernação Básica e Avançada no Senai Theobaldo de Nigris, referência em Artes Gráficas por 11 anos, passou por diversas empresas de renome na área e recentemente teve a oportunidade de lecionar também na ABER (Associação Brasileira de Encadernação e Restauro). Lavínia realizou no último ano o restauro do Acervo Pessoal de Luiz Carlos Prestes e possui um ateliê próprio na Cidade de São Paulo, onde realiza trabalhos na área e também ministra algumas aulas.


Link da live: youtube.com/watch?v=vG19zJ5jcDE


FONTEhttps://www.instagram.com/p/CNX7MEuAX5M/?igshid=6icpel4mp4mk


sábado, 17 de abril de 2021

Para download: "El partido una revolución en la Revolución. Selección Temática 1960-2001"

En este libro se han compilado en forma total o en fragmentos las ideas del Comandante en Jefe, Fidel Castro, en relación al Partido Comunista de Cuba entre los años 1960 y 2001.


El partido una revolución en la Revolución. Selección Temática 1960-2001

Autor: Castro Ruz, Fidel

Editorial:  Editora Política. La Habana

Fecha: 2003


Descargue el libro en formato PDF: 

http://www.fidelcastro.cu/sites/default/files/fichero_libros/El--Partido.pdf




quinta-feira, 15 de abril de 2021

Live com a historiadora Anita Prestes - Debate Virtual - Dia 18/04/2021, às 18h

“A transição da ditadura militar para uma democracia tutelada pelos militares e o fenômeno Bolsonaro”

Neste domingo (18/04/2021), às 18h, o debate virtual promovido pelo “Jornal Rumo à Vitória”, da Frente Patriótica Luiz Carlos Prestes (FPLCP), tem a honra de receber a professora Anita Leocadia Prestes para um debate urgente a respeito das movimentações dos militares dentro do Estado Brasileiro, chegando a ocupar, além de importantes ministérios, aproximadamente 7 mil cargos da atual estrutura do Governo Federal.

Anita Leocadia Prestes (1936) é mestre em Química Orgânica e doutora em Economia e Filosofia pelo Instituto de Ciências Sociais da cidade de Moscou, capital da Rússia. É também doutora em História pela Universidade Federal Fluminense (UFF). É autora de diversos livros, sendo o último "Viver é tomar partido", lançado pela editora Boitempo em 2019.


Debate Virtual: “A transição da ditadura militar para uma democracia tutelada pelos militares e o fenômeno Bolsonaro”, por Anita Leocádia Prestes

Quando: Domingo, 18/04/2021

Horário: 18h

Link de acesso: https://meet.jit.si/JornalRumoàVitória



sábado, 3 de abril de 2021

Almir Guineto como Paulo da Portela, no filme Natal da Portela, cantando o samba "Cavaleiro da Esperança"

Trecho do filme Natal da Portela, em que Almir Guineto como Paulo da Portela canta o samba "Cavaleiro da Esperança". Esse samba assinado por José Brito teve sua autoria creditada, anos mais tarde, a Paulo da Portela:



O samba foi composto para a Escola de Samba Lira do Amor, fez uma emocionante homenagem ao então senador da República Luiz Carlos Prestes, do Partido Comunista Brasileiro. Organizado pela União Geral das Escolas de Samba em prol da chamada Imprensa Popular (do jornal comunista Tribuna Popular), o desfile de escolas de samba, que reuniu cerca de 100 mil pessoas, realizou-se no dia 15 de novembro de 1946, no Campo de São Cristóvão, no Rio de Janeiro. Participaram as seguintes escolas de samba: Unidos de Irajá, Irmãos Unidos de Irajá, Flor de Lins, Prazer da Serrinha, Unidos de Morro Azul, Paraíso das Morenas, Império da Mocidade, Filhos do Deserto, Unidos do Castelo, Irmãos Unidos do Catete, Lira do Amor, Paz e Amor, Fique Firme, Cada Ano Sai Melhor, Corações Unidos de Jacarepaguá, Unidos da Capela, Últimos a Chegar, Unidos de Cabuçu, Unidos de Vila Rica, Império da Tijuca e Vai se Qiser.

Segundo matéria do Tribuna Popular (16/11/1946, p. 8), "foi um espetáculo magnífico que jamais será esquecido pelos cariocas". E mais, "Paulo da Portela e Mário Lago, os dois grandes compositores populares, vivamente emocionados, diziam: 'Isto é uma coisa formidável! Isto é o povo sambando com o coração! É o povo que sabe que já tem uma imprensa popular para dizer a verdade tão necessária!'".

A referida reportagem deu destaque a "uma das Escolas de Samba mais entusiasticamente aplaudidas", a Lira do Amor. De acordo com o Tribuna Popular,  "a turma de Paulo da Portela", com seus tamborins mágicos e cuícas vibrando, "surgiu defronte ao palanque da comissão julgadora, cantando um lindo samba. 

Cavaleiro da esperança

Paulo Benjamim de Oliveira (Paulo da Portela)

 Prestes, Cavaleiro da Esperança

 Foi o homem que pelo povo relutou

 Seu nome foi disputado dentro das urnas

 Oh! Carlos Prestes

 Foi bem merecida a cadeira de senador

 És o cavaleiro que sonhamos

 De ti tudo esperamos

 Com todo amor febril

 Para amenizar nossas dores

 E levar bem alto as cores

 Da bandeira do Brasil


Na narrativa jornalística, "a música das cuícas e dos tamborins e as vozes das Pastoras da 'Lira do Amor' foram abafadas por uma prolongada tempestade de aplausos". Emocionado, o "Senador do Povo", levantando os braços,  saudou, fraternalmente, a rapaziada da Lira do Amor.

"PAULO DA PORTELA ABRAÇA O SENADOR DO POVO"

Ainda segundo o jornal Tribuna Popular, "poucos minutos antes da 'Lira do amor' desfilar, Paulo da Portela, o famoso compositor popular que todo o Rio conhece, o Paulo da Portela dos grandes carnavais cariocas do passado, subiu ao palanque para dar um abraço em seu nome e no da sua Escola ao Senador Luiz Carlos Prestes. Foi um momento de grande emoção para todos os presentes. O Senador mais votado da República, retribuiu o abraço de Paulo da Portela com um outro bem forte."

SALVE O SAMBA!!! SALVE PAULO DA PORTELA!!! SALVE LUIZ CARLOS PRESTES!!! SALVE O POVO BRASILEIRO!!!